Pesquisa mostra que 35% dos cuiabanos não têm acesso a rede de esgoto

Levantamento divulgado nessa terça-feira (2) mostra que entre 60% e 70% da população urbana de Mato Grosso é atendida por serviço de rede de esgoto. Já em Cuiabá, a porcentagem é de 65%.

Pesquisa mostra que 35% dos cuiabanos não tem acesso a rede de esgoto
Pesquisa foi divulgada nessa terça-feira (3). (Foto: Agência Brasil)

Os dados são do Diagnóstico Temático da Gestão Técnica de Esgoto, lançado pelo MDR (Ministério do Desenvolvimento Regional), com levantamento feito em 2020.  

Dados nacionais

O diagnóstico também mostrou que 1.937 municípios brasileiros não têm rede coletora de esgoto e utilizam soluções alternativas, como fossas sépticas, rudimentares, galerias de águas pluviais e lançamento de esgoto em curso d’água. 

Pesquisa mostra que 35% dos cuiabanos não tem acesso a rede de esgoto
Manaus é a Capital com menor índice de atendimento. (Foto: MDR)

Segundo o Ministério, 4.744 municípios informaram seus dados relativos a esgotamento sanitário para o Diagnóstico Temático da Gestão Técnica de Esgoto. Desses, 2.807 disseram ter rede de abastecimento de água e rede coletora de esgoto.

No recorte regional, a Região Norte é a que tem menor índice de atendimento total de esgoto, chegando a 13,1%. Já o Sudeste lidera o índice de atendimento total, com 80,5%. Em seguida vem o Centro-Oeste (59,5%), o Sul (47,4%), e o Nordeste (30,3%). 

O diagnóstico integra o SNIS (Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento) e inclui informações sobre prestação de serviços públicos de esgotamento sanitário no Brasil, índices de atendimento de coleta e tratamento de esgoto e soluções alternativas implementadas no país.  

Fonte Primeira Página

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!