Querido ator de Breaking Bad só conseguiu o papel por causa de cena improvisada

Jonathan Banks conquistou o coração dos fãs como Mike em Breaking Bad, que também tem um papel muito importante em Better Call Saul, série prelúdio sobre o advogado titular. Curiosamente, ele conseguiu o papel por conta de uma improvisação.

Curiosamente, muitas das vitórias do programa em premiações vieram na forma de prêmios de atuação para seu elenco principal, que inclui nomes como Bryan Cranston, Aaron Paul e Anna Gunn.

Continua depois da publicidade

No entanto, a série também é notável por muitos de seus personagens secundários, muitos dos quais passaram a estrelar ou fazer aparições em Better Call Saul.

Um grande exemplo disso é ninguém menos que Mike (Jonathan Banks), um ex-policial que serve como uma espécie de braço direito de Gus (Giancarlo Esposito) quando os espectadores são apresentados a ele em Breaking Bad.

Como se vê, Banks só conquistou o papel por causa de um surpreendente momento não roteirizado durante a audição.

Tapa não roteirizado

Durante uma entrevista ao Decider (via Looper), Jonathan Banks refletiu sobre seu tempo interpretando Mike em Breaking Bad e Better Call Saul.

Uma das informações mais interessantes dos bastidores deixadas pelo ator veio na forma de como exatamente ele conseguiu o papel, e tudo se resumiu a um tapa improvisado.

“Eu entrei e pensei que seria a estrela convidada. Eu não tinha ideia do que era o show”, disse Banks. “Na cena, eu estendi a mão e dei um tapa na cabeça de Aaron – e isso não estava no roteiro. Ele reclama disso até hoje.”

Aparentemente, esse pequeno tapa foi suficiente para Banks não apenas ser chamado de volta, mas para o criador de Breaking Bad, Vince Gilligan, expandir o papel. E pelo menos parte disso foi como Banks interpretou o personagem naquela cena em particular, incluindo o tapa adicionado a Paul.

A cena em questão vem do final da terceira temporada, “ABQ”, que mostra Mike sendo chamado para ajudar Jesse (Aaron Paul) depois que sua namorada Jane (Krysten Ritter) morre de overdose de drogas.

Como os fãs sabem, o personagem se tornaria um marco da série, e frequentemente batia de frente com Walter White (Bryan Cranston). E, presumivelmente, tudo começou com um tapa improvisado.

Breaking Bad e Better Call Saul estão disponíveis na Netflix.

Fonte Observatório do Cinema

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!