Homem de 56 anos é preso por fugir para morar com adolescente de 13 anos em Colniza

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI

A adolescente foi encaminhada ao Conselho Tutelar de Colniza, que dará as providências para encaminhamento da menor aos familiares

Homem de 56 anos é preso por fugir para morar com adolescente de 13 anos
Foto: Reprodução

Um homem de 56 anos foi preso em flagrante por fugir com uma menina de 13 anos, na manhã desta última sexta-feira (24), em Colniza, pela equipe da Delegacia da Polícia Civil do município. Eles estavam morando juntos e o caso é tratado como sequestro e estupro de vulnerável.

Os investigadores chegaram ao endereço, um sítio na zona rural, após informações das Delegacias de Porto Velho, Machadinho d’Oeste e Buritis que acionaram a Delegacia de Colniza para as buscas ao suspeito de sequestrar a menor de idade e fugir com ela para Mato Grosso. O homem é conhecido da família da menina e foi encontrado com a adolescente e ao ser questionado informou nomes completamente diferentes para ele e a garota.

O pai da adolescente procurou a Delegacia Especialidade de Proteção à Criança de Porto Velho e relatou que no dia 25 de agosto, por volta das 15h, estava em seu sítio, localizado no Ramal do Índio, junto com a filha. Ele saiu por um momento para conferir algumas tábuas que havia vendido a um conhecido, que ficou aguardando na casa.

Quando retornou à residência, o homem e a adolescente haviam desaparecido. Em buscas na região, o pai da menina foi informado por vizinhos que o suspeito havia passado na estrada em um carro em alta velocidade, com a garota.

Após as informações e características do suspeito e da adolescente, passadas pela Polícia Civil de Rondônia, os investigadores de Colniza iniciaram diligências e localizaram um sítio a 50 quilômetros de Colniza onde estariam a vítima e o suspeito.

Por volta das 4h30 da madrugada desta sexta-feira, a equipe policial chegou ao endereço e encontraram o suspeito praticamente despido junto com a adolescente. Ao ser questionado, ele deu nomes diferentes.

Conforme a Polícia Civil de Rondônia, a adolescente chegou a enviar uma mensagem à família dizendo que havia fugido por conta própria. Contudo, por se tratar de menor de idade, toda a situação está sendo apurada

O homem foi encaminhado à Delegacia de Colniza, onde será autuado em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável. Contra ele, os policiais civis também cumpriram um mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Cacoal (RO) também por estupro de vulnerável (Artigo 217 A).

A adolescente foi encaminhada ao Conselho Tutelar de Colniza, que dará as providências para encaminhamento da menor aos familiares.

Fonte: Olhar Direto

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *