Agendamento online será revisto após problemas com hackers e não prioritários, diz secretária em Cuiabá

Neste primeiro dia de campanha, serão vacinados apenas os que foram convocados pela Prefeitura.

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

A vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19) em Cuiabá começou nesta quarta-feira (20), mas apenas para profissionais da saúde que trabalham na linha de frente do enfrentamento à pandemia. Os primeiros nomes foram escolhidos pelas próprias equipes dos hospitais, mas ainda há incertezas sobre como acontecerá a imunização nos próximos dias. O agendamento online, anunciado pela Prefeitura na última segunda-feira (18), tem causado problemas em outros estados, com hackers e pessoas que não são dos grupos prioritários se cadastrando. Por este motivo, a questão será discutida na tarde de hoje.

Para conseguir se vacinado, é necessário estar com o cadastro atualizado também no Sistema Único de Saúde (SUS). A Prefeitura havia sugerido que a população fizesse o recadastramento pelo aplicativo ‘Conecte Sus’, mas também tem enfrentado problemas. “Tem que se cadastrar, só que todo mundo está tendo problema de acesso, porque é um país inteiro. Então para isso a gente criou uma equipe que inclusive vai fazer o preenchimento da ficha aqui e depois lançar no sistema”, explicou Ozenira. Quem conseguir, no entanto, é aconselhado a fazer o processo de forma online.

O agendamento pelo link, no entanto, ainda será discutido. “No nosso caso, estamos com o link pronto para a pessoa entrar e fazer seu agendamento e preencher seu cadastro. Contudo, fomos surpreendidos hoje de manhã com notícias, inclusive ligamos em outros estados, que estão tendo problemas de pessoas que estão hackeando, um monte de gente que não tem nada a ver congestionando o sistema, que entra que não é, então vamos ter uma reunião agora 14h30 na secretaria de comunicação para a gente tomar uma decisão. Eu, particularmente, acho que vamos ter que testar para ver o que vai, e já temos o plano B, que são as equipes por onde vão ter que cadastrar”, completou a secretária.

Neste primeiro dia de campanha, serão vacinados apenas os que foram convocados pela Prefeitura. A secretária explica que este é, também, um dia de testes para que se saiba qual será a capacidade de vacinação da equipe. O ‘Vacina Cuiabá’ acontece, inicialmente, somente no Centro de Eventos do Pantanal.

“Hoje nós já trouxemos um grupo de profissionais da área da saúde, também escolhidos pela equipe, porque temos que medir o tempo que demora no guichê, o tempo que ele vai lá, recebe a vacina, e depois tem um local que a gente aconselha a pessoa a aguardar um pouco. É uma vacina nova, a recomendação do Ministério da Saúde, então ele senta e aguarda. Temos inclusive um serviço de home care, estamos com cinco ou seis leitos de estabilização. Não é que ninguém vai passar mal, mas a gente não sabe o que vai acontecer, então fizemos um trabalho preventivo”, afirmou.

A secretária espera que sejam vacinadas cerca de duas mil pessoas por dia e, quando o número de lotes da vacina for maior, que esta capacidade dobre para quatro mil por dia. Por enquanto, vale lembrar que somente os profissionais da saúde da linha de frente serão vacinados, e a resposta sobre o link de agendamento será dada na tarde desta quarta-feira (20).

Fonte: Olhar Direto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *